Pesquisar este blog

sexta-feira, 18 de janeiro de 2019

Sangue sim, mamata não

Os militares brasileiros dizem estar dispostos a dar o sangue pela pátria.

Mas não estão dispostos a abrir mão de nenhuma das suas mamatas pagas com dinheiro público. A nação que sangre.

China e governo Brasileiro

A China trabalha para dominar o mundo, o que deverá ocorrer nas próximas décadas.

No Brasil em 2018 chegaram a ter um candidato à presidência - Ciro Gomes.

Não deu certo.

Mas os chineses não desistem.

Perdida a presidência, eles partem para a conquista do parlamento Brasileiro.

Pesquisam, selecionam os caipiras analfabetos funcionais (na ótica de Olavo de Carvalho), e os atraem para a China com tudo pago antes mesmo do início do mandato. E ao deslumbrados, acreditando em almoço grátis, partem felizes da vida.

Enquanto isso, Rodrigo Maia e Renan Calheiros permanecem no Brasil...

quinta-feira, 17 de janeiro de 2019

Acho que reforma da previdência já era

Bolsonaro e aliados trabalham cotidianamente para se autodestruir.

O PT já está concluindo que não precisa fazer nada, apenas sentar e assistir.

Governo vai ficando cada dia mais fraco.

Trabalho de defesa de privilégios corre solto nos corredores e bastidores do governo.

Minha opinião hoje?

Esqueçam reforma da previdência. Governo não terá força para aprovar nenhuma mudança substancial.

Se alguém pensa o Brasil (mercado, investidores) é melhor começar a pensar o cenário sem reforma da previdência, e ver o que dá para salvar.

E se preparar para a volta da esquerda ao poder em 2022.

Confissão de culpa

Desde que surgiu o caso Queiroz, Flavio Bolsonaro sempre disse: "ele vai explicar".

O tempo passou, passou, o Queiroz fugiu de todos os depoimentos.

Agora somos surpreendidos com a notícia de que a defesa do Flavio Bolsonaro (não do Queiroz) conseguiu travar no STF a investigação do MP do Rio.

Para mim equivale a uma confissão de culpa do Flavio Bolsonaro.

Aguardamos agora a manifestação do Jair Bolsonaro que, com toda a certeza, não virá. A família unida fará cara de paisagem.

Bolsonaro surpreso

Um assessor do Bolsonaro declarou para a imprensa que ele ficou surpreso com a viagem dos parlamentares do PSL à China.

Se for verdade, apenas demonstra que o partido comunista chinês controla melhor os parlamentares do PSL do que o próprio Bolsonaro.

Por que será?

A página do MBL no Facebook publicou este texto. Comento na sequência.

Sim, a CNN é conhecida por fazer um péssimo jornalismo camuflado pela aparente credibilidade. Mas isso faz parte do jogo democrático. O que não podemos é apenas reclamar que o adversário está jogando. Porque a direita não tenta replicar aqui o modelo da Fox News ao invés de se comportar de forma tão histérica?
Eric Balbinus em O Reacionário.

Comento: será que não existe canal de direita porquê não existe bilionário de direita para bancá-lo? Ou seja, sem dinheiro grosso só resta à direita "reclamar" e fazer vídeos no Youtube. Bilionários e esquerdistas formaram uma simbiose, com benefícios recíprocos e prejuízos para o povo. Assim, como um canal de televisão demanda muito investimento, a "liberdade" assegura que na mídia tradicional só exista informação de um lado, do lado da esquerda.



PSL reuniu escória

Segundo alertou em vídeo o Olavo de Carvalho, e como noticia hoje o site Renova Mídia, "parlamentares do PSL" querem trazer para o Brasil o sistema chinês de reconhecimento facial. Há, no mínimo, dois problemas:

1. Como observa Olavo, é sabido que esses sistemas chineses servem efetivamente ao governo Chinês. Ou seja, toda informação por eles capturada e armazenada é transferida aos bancos de dados do governo Chinês;

2. Na China este sistema já é utilizado para controlar o comportamento "politicamente correto" dos seus cidadãos. Em caso de vitória do PT ou do Ciro Gomes numa eleição futura, o PSL já teria feito o favor de deixar o sistema instalado e operante para eles.

Então vamos falar em português bem claro - este PSL reuniu uma escória, que só se elegeu surfando na popularidade do Bolsonaro.