Pesquisar este blog

quarta-feira, 26 de abril de 2017

Sob o comando do Papa Comunista, para manter o Brasil no atraso

Leiam a notícia da Veja.com. Comento na sequência.

são inúmeras” as razões apresentadas para a manifestação. “Cremos que todos desejaríamos que reformas estruturais como as que estão sendo propostas não fossem realizadas a toque de caixa, sem o debate qualificado e o envolvimento dos diferentes grupos de interesse”, diz o texto. “Certamente há famílias insatisfeitas, mas esta é a posição não apenas do colégio, mas de toda a Rede Jesuíta de Educação no Brasil.

Comento: ou seja, a igreja, sob o comando do papa comunista Francisco, jesuíta Bergoglio, aliada a tudo o que o Brasil tem de pior, para manter o país no atraso, os pobres na pobreza, os comunistas (de volta) no poder e o chefão comunista de branco feliz.


Tiradentes

O feriado passou sem que eu postasse aqui que na época de Tiradentes a Coroa levava 20% (o "quinto") a título de impostos. Isto causou revolta, e produziu o mártir.

Hoje o estado Brasileiro, nas três esferas, leva 40% (dois quintos).

A população se revoltou contra o quinto.
Não há revolta contra os dois quintos.

E, se entrevistar o Brasileiro médio, ele dirá que há necessidade de mais estado.

Da sua sepultura, Getúlio Vargas dá risada

Na sexta feira, trabalhadores brasileiros cruzarão os braços e irão para as ruas, transformar a vida de todo mundo num inferno.

As pautas:

- Reforma trabalhista: trabalhadores tomarão as ruas para defender a legislação trabalhista da década de 40 do século XX. Enquanto isso, emprego no Brasil é algo em extinção e todos, incluindo os próprios manifestantes, compram produtos made in china. Sindicalistas, juízes trabalhistas, congressistas, jornalistas, esquerdistas, artistas da Globo, manifestantes, enfim, todos compram produtos made in china, enquanto protestam contra a reforma trabalhista no Brasil.

- Reforma da previdência: a expectativa de vida só cresce, mas os manifestantes não querem que aumente a idade mínima para aposentadoria. Só não explicam quem pagará a conta da diferença de número de anos de aposentadoria gerada pela maior longevidade. Ah, os manisfestantes, que quando aposentados, receberão merrecas do INSS, também querem preservar a situação de nababos dos funcionários públicos.

Da sua sepultura, Getúlio Vargas dá risada.

terça-feira, 25 de abril de 2017

A destruição dos jornalistas conservadores

Bill O'reilly, o mais importante jornalista conservador da TV americana, foi destruído como uma pulga. Mais de 40 anos de jornalismo destruídos em poucas horas.

Qual o principal crime de O'reilly? Ser conservador.

Previ (mas não escrevi) que o próximo seria Sean Hannity e, pelo oque ele diz no link abaixo, parece que eu estava certo. Mas Hannity vai além, diz que o processo de destruição, se não for contido, atingirá todos os jornalistas conservadores da América. E ele está certo.

A esquerda venceu. Venceu a guerra cultural, venceu a guerra de valores e venceu a disputa pela imposição das regras do jogo. A sociedade, bovina e ignorante, aceitou todas as vitórias da esquerda. Tentou reagir elegendo Trump, mas já era tarde. E a política é só uma pequena parte do campo de batalha. Quem se colocar no caminho da esquerda será esmagado. Como foi O'reilly.


segunda-feira, 24 de abril de 2017

Idiotas

Parece que o Brasil vai parar dia 28/4.

Esse país nasceu condenado a nunca ser nada. E não será. Parando ou não parando dia 28.

Leio agora que pilotos e aeronautas vão parar também. Contra os reformas da previdência e trabalhista.

Esses idiotas devem estar satisfeitos com as aposentadorias merrecas que receberão do INSS (se receberem), enquanto funcionários públicos se aposentam jovens e nababos.

Esses idiotas devem estar satisfeitos com o fato de colocarem no bolso uma merreca todo mês, enquanto custam uma fortuna para as suas empresas.

E esses burros pilotam avião. A tecnologia deve ser muito boa, pois parece não haver capacidade intelectual para pilotar um bicicleta.

Sociedades hipócritas, governos inviáveis

Assisti há alguns meses um episódio de Black Mirror sobre um momento futuro onde todos avaliam todos, via celular. O conjunto de avaliações forma uma nota. E toda a vida da pessoa depende da nota que tem. Evidentemente, o resultado é uma sociedade inviável, inteiramente fundamentada sobre a hipocrisia.

Mas, de certa forma, isto já existe no presente. Para os ocupantes de cargos públicos executivos (prefeitos, governadores e presidentes), os quais são submetidos a pesquisas mensais de avaliação de popularidade, e qualquer queda na popularidade já é destacada pela imprensa. A obrigação de ser permanentemente popular faz com que os chefes de executivo tenham que ser uns hipócritas, e assegura que eles jamais tomem as medidas amargas necessárias para a sobrevivência das sociedades que administram.

domingo, 23 de abril de 2017

Ultra ricos e o socialismo

Leio que um grupo de ultra ricos do Brasil (as maiores fortunas do país) lançou um manifesto contra o projeto Escola Sem Partido.

Ou seja, para os ultra ricos a escola deve ser sim local de doutrinação comunista. O ultra rico João Dória até colocou um comunista na secretaria de educação de São Paulo para garantir que assim continue sendo.

É a mesma coisa no ocidente todo. De norte a sul, de leste e oeste, em qualquer lugar do ocidente encontrará sempre os ultra ricos financiando a implantação do comunismo. Com a exceção d Donald Trump, tão odiado pelos seus companheiros de riqueza.

Será que os ultra ricos são apenas ingênuos?
Ou são muito mais canalhas do que a gente imagina?